Causas de erupção cutânea em recém-nascidos – tipos de erupções cutâneas, sintomas e tratamento

Se uma erupção cutânea vermelha aparecer no corpo de um recém-nascido ou bebê, não serão descartados problemas com a saúde da criança. A tarefa dos pais é responder a sintomas alarmantes a tempo, consultar um pediatra e excluir o desenvolvimento de escarlatina e varicela. Após o diagnóstico, o médico assistente lhe dirá como se livrar completamente da doença infantil e de suas possíveis complicações. É necessário tratar os sintomas de maneira abrangente, mas, para começar, não é necessário determinar a etiologia do processo patológico..

O que é uma erupção cutânea?

São erupções cutâneas na camada superior da epiderme, de natureza bacteriana, viral ou infecciosa. Eles surgem sob a influência de um fator provocador, tornam-se a causa de coceira, inchaço, vermelhidão da pele. De fato, essa é uma das manifestações de uma alergia que, na ausência de tratamento oportuno, pode causar uma “alergia crônica” a uma pessoa que já foi saudável. A erupção parece repugnante, viola a estrutura homogênea da pele, cria condições favoráveis ​​para o desenvolvimento de processos infecciosos e purulentos.

Erupção hormonal em recém-nascidos

Os micróbios nem sempre se tornam a principal causa de erupções cutâneas, não são descartadas alterações hormonais no corpo do bebê. Por exemplo, após o nascimento de um bebê por mais 2-3 semanas, predomina um excesso de estrógenos, o que leva ao arrastamento das glândulas mamárias e ao aparecimento de erupções cutâneas características na pele. O fenômeno é temporário, mas assusta visivelmente os jovens pais. Externamente, é uma acne profusa que tem um conteúdo denso, semelhante aos sinais de acne. No entanto, o pus não é líquido em sua consistência, lembra um grão inteiro de branco.

Erupção hormonal em recém-nascidos também é chamada de neonatal, acne, três semanas. Você pode se livrar de erupções cutâneas características sem medicação, você precisa esperar o tempo – várias semanas. Para remover espinhas, é mostrada uma diminuição na concentração de hormônios femininos no corpo da criança, o estrogênio, que é precisamente a principal causa do processo patológico..

A pustulose neonatal de recém-nascidos, o que implica “dérmica” hormonal em crianças dos primeiros dias de vida, geralmente está localizada na parte superior do corpo – na cabeça, pescoço, face e costas. Portanto chamado cefálico. Para se livrar de sintomas desagradáveis, é necessário observar regras adequadas de higiene pessoal do bebê. A doença neste caso desaparece sozinha por 2-3 dias.

Erupção hormonal em um bebê no rosto

Erupção alérgica em um recém-nascido

A razão para tais erupções cutâneas é o efeito de um fator provocador, que pode ser um alérgeno alimentar, produtos químicos domésticos, cosméticos para o cuidado. Além disso, os estímulos externos não são excluídos da origem doméstica, natural e química. Em todos os casos, a erupção cutânea no bebê parece a mesma, causando prurido, queimação, desconforto interno, instabilidade emocional. Este sintoma desagradável caracteriza ao mesmo tempo várias doenças apresentadas abaixo, portanto o diagnóstico diferencial é obrigatório. Assim:

  1. Alergia alimentar. Aparece frequentemente nas bochechas das crianças devido à penetração de um alérgeno no trato digestivo. A infecção pode entrar no corpo de um recém-nascido junto com o leite materno da mãe.
  2. Alergia de contato, também chamada alergia doméstica. Aparece com contato direto da pele com alérgenos externos – substâncias potencialmente perigosas. Provocar uma reação alérgica em um recém-nascido pode ser o cheiro de tinta, pêlos de animais.
  3. Alergia a medicamentos. A erupção vermelha se torna um efeito colateral do tratamento conservador prolongado do recém-nascido e não apenas. No contexto de uma doença enfraquecida do sistema imunológico, um organismo recém-nascido não é capaz de suportar a intoxicação parcial do corpo por comprimidos.
  4. Urticária. Esta é uma forma complicada de reação alérgica, na qual a erupção vermelha é pequena e abundante. Propenso a bolhas. Externamente, a erupção assemelha-se a uma queimadura de urtiga, daí o nome. Choque anafilático, o edema de Quincke se torna uma complicação para um paciente recém-nascido..
  5. Calor espinhoso. A erupção cutânea no bebê aparece nas dobras da pele devido ao comprometimento da transpiração dessas zonas. Os focos da patologia são a virilha, costas, área das axilas, pescoço. A principal tarefa dos pais é restaurar a transferência de calor do recém-nascido, vestir o bebê de acordo com o clima, remover a erupção cutânea.
  6. Dermatite da fralda. Ocorre em contato com fraldas molhadas, uma vez que a urina e fezes líquidas irritam a pele sensível. Primeiro, aparece irritação, e depois – assaduras e feridas. Os pais precisam seguir as regras de higiene pessoal de um bebê recém-nascido.
  7. Dermatite atópica. Uma doença de pele comum em que uma erupção cutânea aparece em um recém-nascido. Os focos da patologia são as bochechas e o queixo, pernas e braços, nádegas das crianças. A erupção cutânea coça, deixa o recém-nascido nervoso, irritado.

Erupções infecciosas em recém-nascidos

Se uma infecção viral se torna a causa de uma erupção cutânea abundante na pele, essa condição está repleta de sérias conseqüências para a saúde do recém-nascido e não apenas. Sintomas adicionais são febre, febre e um distúrbio na digestão sistêmica. Antes de escolher os medicamentos para tratar uma erupção cutânea, é mostrado para esclarecer o diagnóstico no recém-nascido. O que isso pode ser para uma doença?

  1. Catapora. A erupção cutânea é abundante, localizada em todo o corpo. Cada espinha tem conteúdo líquido. Após uma abertura arbitrária, a bolha seca e a crosta desaparece, deixando temporariamente uma mancha no corpo. A descrição de uma doença característica é conhecida por todos os pais, já que quase todos tiveram catapora na infância..
  2. Escarlatina. A erupção se espalha rapidamente por todo o corpo; além disso, as amígdalas inflamadas estão envolvidas no processo patológico. Depois de eliminar as erupções cutâneas, permanecem manchas visíveis no corpo, propensas a descamação. Isolar um recém-nascido doente por 10 dias e tratar urgentemente.
  3. Rubéola e sarampo. Estas são doenças conhecidas da infância com erupção cutânea abundante, que devem ser transferidas para 1-3 anos de vida sem complicações potenciais. Em um recém-nascido, as manchas se fundem em focos extensos, enquanto o próprio paciente sofre de alta temperatura, sinais de febre.
  4. A roséola tem sintomas semelhantes aos da rubéola. A erupção combina em grandes focos, enquanto a pele é propensa a secura e descamação. O principal agente causador da doença é um simples vírus do herpes, o tratamento conservador é complicado. Quando pressionado com um dedo, ele imediatamente fica pálido.
  5. Tordo. A doença tem uma origem fúngica e as erupções cutâneas se espalham para as membranas mucosas do recém-nascido. A atividade de um fungo patogênico pode ser suprimida apenas por métodos conservadores – uma mistura de medicamentos ajudará. A erupção cutânea fúngica recém-nascida é tratada com uma composição de refrigerante fresca..

A criança tem varicela

Como tratar uma erupção cutânea

Se acne, calor espinhoso ou sintomas de acne aparecerem na pele de um recém-nascido, é necessário consultar um dermatologista pediátrico com urgência. A automedicação superficial é excluída, caso contrário as manifestações se tornarão ainda mais abundantes. Após determinar o fator provocador e eliminá-lo completamente, o tratamento é conservador; métodos alternativos de medicina alternativa podem ser envolvidos adicionalmente.

Em todo o corpo

Se uma pequena erupção cutânea com coceira se espalhar por todo o corpo, é possível que seja um calor espinhoso. Para sua eliminação produtiva, é importante controlar a transferência de calor do organismo recém-nascido, aplicar corretamente as migalhas na mama durante a amamentação, enquanto de manhã e todas as noites organiza o banho com a adição de uma decocção de camomila, celandina ou uma série de água.

Nas bochechas

Este é um sinal eloquente de diátese. Portanto, antes de remover a erupção cutânea de um recém-nascido, é necessário revisar sua dieta e excluir possíveis alérgenos dela. O irritante entra no corpo do bebê com leite materno, causando problemas para a mãe e o bebê. Para remover sintomas desagradáveis, o médico prescreve anti-histamínicos leves ou bebe um caldo de camomila fraco.

No pescoço

Isso pode ser uma manifestação de dermatite de contato, quando a pele delicada entra em contato com materiais sintéticos da roupa. É importante excluir o contato dos não congênitos com um alérgeno em potencial, além de usar a pomada Sudocrem. O medicamento não é oleoso, não contém álcool, aliviará a inflamação, inchaço e vermelhidão, sem secar a pele, reduzindo os focos de erupção cutânea.

Uma erupção cutânea no pescoço da criança

Na testa

Nesse quadro clínico, não é recomendado que a criança ferida use um chapéu, enquanto é indicado o uso externo de uma solução fraca de permanganato de potássio e gotas internas de Fenistil, para crianças a partir de 1 ano de idade. É importante que a solução não entre no ouvido, umedeça o algodão e processe cada ferida com alta qualidade. Para ser tratado até que a erupção cutânea característica desapareça completamente.

No estômago

Este é um sinal característico de dermatite atópica, propenso a não tratamento oportuno do curso crônico. O recém-nascido deve administrar anti-histamínicos e probióticos, de acordo com a faixa etária e as recomendações do pediatra, banhar diariamente o bebê em camomila e sucessão, enquanto é necessário controlar a nutrição da nutriz.

No períneo

Este é um sinal característico da dermatite da fralda em um recém-nascido. Para se livrar rapidamente da característica erupção cutânea da virilha, você deve seguir cuidadosamente as regras de higiene pessoal das migalhas, examinar todas as dobras, usar pó e fraldas apenas de materiais hipoalergênicos, comprar creme Bepanten para tratamento regular de áreas problemáticas.

Em mãos

Quando uma erupção cutânea aparece nas mãos, é importante descartar uma doença infecciosa infantil. Para fazer isso, juntamente com o recém-nascido, consulte um pediatra, faça um exame e diferencie o diagnóstico. Se o aparecimento da erupção cutânea não for precedido por um processo não infeccioso, o fenômeno é temporário, passa independentemente após a eliminação do alérgeno do corpo. Caso contrário, é agitado para ser tratado clinicamente, às vezes com antibióticos.

Ao redor dos olhos

É possível que isso seja o resultado do uso de lenços umedecidos que contenham fragrâncias e álcool. É necessário abandonar imediatamente esses cosméticos cuidadosos, caso contrário, uma erupção cutânea característica logo se tornará comum para um recém-nascido. Para eliminar os sintomas de alergias, você pode usar folhas de chá não cozidas como loções ou decocção de camomila por via oral

Erupção neonatal em recém-nascidos – foto

Manifestações de erupção neonatal no rosto de uma criança

Avalie este artigo
( Ainda sem avaliações )
Adicione comentários

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!:

Causas de erupção cutânea em recém-nascidos – tipos de erupções cutâneas, sintomas e tratamento
Tipos e características de isolamento de folha