12 razões para argumentar que a vida após um divórcio de 40 anos está apenas começando

Quando uma família se separa, conflitos, mal-entendidos e ressentimentos devem ser deixados para trás. Uma mulher começa a refletir sobre o que fazer a seguir, ponderar sobre o que aconteceu, falar mentalmente com o ex-cônjuge, fazendo perguntas às quais ela não receberá resposta. Isso é normal, mas você não pode ficar preso nesse estado – a vida após um divórcio de 40 anos está apenas começando.

Mau casamento não faz uma pessoa feliz

Discussão

Viver juntos sem amor (por amor às crianças, riqueza material ou simplesmente por medo da solidão) é lamentável: escândalos, rostos descontentes, lágrimas. Pais sofredores e ofendidos raramente têm filhos felizes. As constantes divergências entre pai e mãe prejudicam mais a psique do que o divórcio. Se uma mulher tem mais de 40 anos, os filhos já cresceram para lidar com essas mudanças..

Capacidade de se concentrar em uma carreira

Na juventude, uma pessoa procura a si mesma, escolhe uma profissão, é determinada pelas prioridades da vida. Depois de 20 anos, o casamento se dissolve e os filhos crescem, cuidam de si mesmos, direcionando todos os seus esforços para o crescimento profissional. Alguma experiência já foi adquirida, erros foram corrigidos e haverá mais tempo livre após o divórcio. Concentre a energia mental na prática, prove a si e a todos os que o rodeiam o que você representa – esta é uma chance de mudar sua vida em 40 anos.

Hora da criatividade

Artista

Se uma mulher era boa em desenhar, costurar ou tricotar bem antes do casamento, mas a vida em família colocava seus hobbies favoritos em segundo plano, vale a pena voltar ao seu amado negócio. A criatividade enche a vida com cores quentes.

Tempo livre para hobbies e hobbies

O estresse físico ou mental distrai os pensamentos tristes. Após o divórcio, dedique seu tempo livre ao teatro, coleções, exposições ou jogos de tabuleiro. Inscreva-se para dançar: as aulas garantem um aumento emocional, um novo círculo social e uma figura em forma.

Reavaliação de prioridades

Praticando esportes

Dor constante após o divórcio, preocupação com os sentimentos dos filhos, síndrome da solidão, a crença de que o ex-cônjuge é responsável por todos os problemas é a psicologia de uma mulher divorciada aos 40 anos. Faça uma auto-análise para avaliar sua própria contribuição ao colapso do relacionamento, para não cometer mais erros. Havia uma chance de entender a si mesmo, revisar prioridades, começar a vida do zero. Se não houver motivação para se tornar uma mulher feliz, comece a fazer pelo menos alguma coisa: conserte a casa, pratique esportes, perca peso, mude de emprego, comece a viajar.

Incentivo para mudar a vida

Após o divórcio, o chefe da família se torna mulher, o que dá sentido à existência. Com o tempo, as crianças entenderão seus pais se mamãe e papai ficarão felizes após o divórcio e não os usarão em seus confrontos. Assim que o ex-cônjuge se separar, a tensão desaparecerá e ele será substituído por um recurso importante – o tempo. Aprenda a se divertir, conhecer pessoas interessantes, valorizar a liberdade – não tenha medo de não se casar.

Auto confiança

Mulher confiante

Após o divórcio, uma mulher sente independência, ela quer parecer fisicamente melhor. Somente ganhando autoconfiança é que podemos estabelecer vida pessoal.

Viajar sozinho

Se o ex-parceiro se aborrecia com longas caminhadas, culinária local, passeios turísticos, o resto se tornava uma tortura sofisticada. Para viajar sozinho, você só precisa aprender a viver sozinho.

Mais atenção às crianças

Após o divórcio, os papas procuram dedicar mais tempo aos filhos: visitam o zoológico, o cinema e os carrosséis juntos. Quando o cônjuge irritante não está por perto, a mulher se torna amigável e pronta para conversar, com mais freqüência abraça os filhos, diz-lhes palavras de amor.

Novos relacionamentos saudáveis

Relações aos 40

Quando uma pessoa se divorcia aos 40 anos, ele deve reconsiderar sua atitude em relação às pessoas próximas ao ex-cônjuge e criar uma maneira de fazer novos amigos. Evite amigos solteiros tóxicos que lamentam o divórcio e aconselhem sobre como construir uma vida ainda mais. Aproveite o tempo para construir um relacionamento saudável.

Hora de conversar com os amigos

A vida familiar empurra imperceptivelmente os amigos da infância e da juventude para segundo plano. Após o divórcio, haverá tempo para eles. Uma mulher vai se encontrar com os amigos com mais frequência, apresentá-los melhor às crianças.

Estresse mínimo e emoções negativas.

Relacionamentos tóxicos levam a constante ansiedade e estresse, aumentando o risco de ataque cardíaco, oncologia ou diabetes. O divórcio prolonga a vida livrando-se do constante desconforto psicológico e estresse. As crianças experimentam a atmosfera doméstica e, à medida que amadurecem, repetem padrões de comportamento desde a infância. Um divórcio de 40 anos significa que haverá tempo para mostrar a eles como é um amor saudável e uma família completa.

Avalie este artigo
( Ainda sem avaliações )
Adicione comentários

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: