Não entre em pânico!

É muito difícil prever o comportamento de uma pessoa ou de uma multidão em condições extremas. Mas é possível minimizar a probabilidade de acidentes. E o dispositivo de saída de emergência “Anti-pânico” ajudará nisso..

imagem

Pode haver muitos motivos para o pânico em um espaço público: desde um alarme de emergência a um incêndio, explosão ou a ameaça de um ataque terrorista. Nessas situações, uma multidão corre para a saída de emergência e, ao chegar à porta (talvez no escuro ou na fumaça), tenta abri-la: puxa a maçaneta, bate. Infelizmente, não é incomum que uma porta bem fechada seja destrancada..

Enquanto isso, nos países da CEE, isso não é mais um problema. De acordo com os requisitos das normas europeias, todas as portas de saída de um edifício público devem estar equipadas com um dispositivo de saída de emergência “Anti-pânico”. O objetivo principal desses dispositivos é, sem o uso de chave, proporcionar a abertura fácil e imediata da porta com a mão ou o corpo. As leis europeias aplicam-se a escolas, hospitais, escritórios administrativos e comerciais, lojas de departamentos e supermercados, teatros, cinemas, discotecas, exposições, centros desportivos, oficinas de fábricas – ou seja, onde quer que haja risco de explosão ou incêndio.

Uma vasta gama de dispositivos Antipanica é oferecida pela empresa italiana CISA, que também é especializada em fechaduras e sistemas de segurança para portas de entrada. “Anti-pânico” pode ser:

  • Com mecanismo de bloqueio que abre ao rodar a barra horizontal (séries NEW EUROPA e CISA PRESTIGE). O número de pontos de travamento pode ser de um (lado) a três (lateral, superior e inferior).
  • Com barra de pressão (TOUCH-BAR SBLOCK) ou almofada de pressão (PUSH-PAD).
  • Travas de hotel que sempre garantem a abertura imediata de dentro da trava e do parafuso – simplesmente girando a alça.
  • Na versão para portas corta-fogo (corta-fogo – FR) com fechadura cujo ferrolho resiste ao aquecimento até 1200 ° C. O tirante é feito de aço inoxidável..
  • Com o uso de uma trava eletromecânica que fornece travamento / destravamento elétrico da fechadura da porta – do posto de segurança
  • imagem

    Infelizmente, na Rússia, os dispositivos anti-pânico ainda estão longe de ser usados ​​em todos os edifícios públicos. Mas aos poucos eles estão ganhando cada vez mais popularidade tanto entre os projetistas de edifícios (destinados ao uso público) quanto, diretamente, entre os clientes. Isso significa que um número cada vez maior de pessoas em situação crítica poderá agir de forma adequada, rápida e sem pânico.!

    Avalie este artigo
    ( Ainda sem avaliações )
    Adicione comentários

    ;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!:

    Não entre em pânico!
    Lipo 6 – Nutrex Fat Burner Series: Composição e aplicação