Macacões, EPI e calçado para construção

O artigo irá informá-lo sobre os meios de proteção necessários. Você aprenderá sobre os principais problemas de vestuário de trabalho, calçados de segurança e barreiras de segurança, além de como resolvê-los. O artigo contém os fatores de dano e perigo para cada posição de vestuário de trabalho e EPI, com base na experiência real.

Cuidar da saúde e da vida faz parte de qualquer profissão da construção. No processo de trabalho, o capataz está regularmente exposto ao risco de ferimentos leves e graves e quanto maior o trabalho, maior a probabilidade de sofrer ferimentos e, às vezes, ferir-se. A fim de minimizar as consequências, e mais frequentemente para evitar completamente ferimentos, são fornecidos macacões e equipamentos de proteção individual (EPI).

Calçados

Sapatos de baixa qualidade e desconfortáveis ​​podem ferir qualquer pedestre. Você não precisa ir ao canteiro de obras para isso – você só precisa escorregar, tropeçar, torcer a perna ou se agarrar a algo. Existem vários problemas principais e nós os listaremos em ordem decrescente de risco de lesões..

Problema # 1. Sola escorregadia e instável

Leva à perda de equilíbrio, queda. Se uma pessoa estiver carregando uma carga tangível, os ferimentos são garantidos. O problema é mais urgente no gelo.

O que fazer? Uma opção temporária é colar uma lixa à base de tecido na sola. Permanente – pegue as sapatas com pontas de aço. Cubra as áreas geladas com areia ou serragem.

Macacões, EPI e calçado para construção

Problema # 2. Sola fina

Torna-se a principal causa de pés perfurados (ao pisar em um prego). Esta lesão aparentemente leve pode causar um abscesso e envenenamento do sangue. Além disso, a nitidez de pedras e objetos é transmitida para os pés e isso distrai, cansa o mestre.

O que fazer? Uma opção urgente é cortar as palmilhas do material denso disponível – da borracha ao galvanizado. Opção permanente – calçado com protetor especial que não permite furos.

Problema nº 3. Absorção de água

Calçados molhados são o principal motivo de resfriados e problemas de funcionários. É esse fator, e não o clima, que se torna a principal causa de doenças durante as obras..

Macacões, EPI e calçado para construção

O que fazer? Sempre seque os sapatos molhados, de preferência com secadores internos. Sempre tenha um par sobressalente. Para tornar o calçado de trabalho repelente à água e prolongar a vida, lubrifique generosamente um par novo com graxa e deixe durante a noite, retire o excesso pela manhã. Use sapatos de borracha o mais amplamente possível ao trabalhar ao ar livre.

Os problemas descritos raramente ocorrem com sapatos especializados, e apenas em um determinado estágio de uso. O caso mais comum de abordagem analfabeta é o uso de calçado “surrado”, que já perdeu o aspecto, a moda, a rua, a praia ou o calçado desportivo. Essa abordagem é um caminho direto para lesões e doenças..

roupas

A maioria dos problemas também decorre do uso de streetwear e sportswear em ambientes de construção hostis. Tecido macio, corte inconveniente e falta de confiabilidade causam desconforto no trabalho. Mas a roupa de trabalho também tem pontos a serem observados..

Problema # 1. Tecido fraco

O trabalho prolongado em um canteiro de obras significa maior desgaste e rasgo nas roupas. Ganchos para reforço, manchas de combustível e lubrificantes, poeira e poluição constantes podem tornar algo inutilizável rapidamente.

Macacões, EPI e calçado para construção

Problema número 2. Absorção de água

Se você planeja trabalhar sob chuva, considere isso ao escolher uma jaqueta ou casaco. Roupas molhadas irão provocar hipotermia, além disso, tornam-se 1-2 kg mais pesadas.

Problema número 3. “Thermos”

Este é um problema de forma barata ou de baixa qualidade. O tecido sem poros que permite a passagem do vapor o mantém dentro. Como resultado, as coisas por baixo e o material de isolamento ficam molhados. Isso é comparável à barreira de vapor do isolamento de uma casa – deve remover a umidade. A perspectiva de se molhar por dentro deve ser alarmante, visto que o trabalho físico produz calor e umidade..

Macacões, EPI e calçado para construção

A solução para todos os três problemas será a seleção de roupas de trabalho de qualidade projetadas para um trabalho específico. Estão à venda kits para diferentes profissões – ternos de soldador, operário de concreto, carpinteiro, pintor, etc., todos eles com nuances indistinguíveis à primeira vista, mas extremamente importantes no trabalho.

A negligência total do macacão em períodos de calor resulta em uma infinidade de ferimentos leves, queimaduras (na maioria das vezes solares), irritações de poeira e picadas de insetos. Este é um caso extremo de perda de vigilância e preocupação com sua própria saúde..

Luvas

O trocadilho favorito dos Builders “mude como luvas” é totalmente confirmado na prática. São as luvas que se desgastam mais rapidamente e precisam ser substituídas. Existem muitos modelos diferentes disponíveis para atender a cada operação. Com base na experiência, várias dicas úteis podem ser derivadas para ajudar a evitar muitos problemas:

  1. Tente não molhar as luvas. Esta é a lei. Use as ferramentas disponíveis para operações com objetos molhados, sacuda a neve. Troque e seque-as em todas as oportunidades, mantenha o suprimento máximo permitido de luvas secas para não interromper seu trabalho. Mãos molhadas são um caminho certo para a artrite, reumatismo e choque elétrico (mesmo com um instrumento de trabalho).
  2. Use luvas conforme as instruções. Luvas de algodão são necessárias para um trabalho fino e preciso (marcação, pregos, parafusos). Mantenha luvas ásperas à mão para trabalhos pesados ​​(pá, britadeira, marreta).
  3. Monitore a condição de suas luvas. Luvas sem tecido e desgrenhadas podem se tornar um prendedor para os dentes de uma lâmina de ferramenta de trabalho..
  4. Evite as “garrafas térmicas” no inverno. Não use luvas de borracha sobre algodão, especialmente apertadas. A umidade se acumulará e as mãos congelarão. Luvas externas devem permitir que o vapor passe bem, então as luvas vão se secar durante o trabalho.

Macacões, EPI e calçado para construção

Existe um caso excepcional em que é melhor não usar uma luva – ao colocar e segurar um parafuso auto-roscante. As arestas afiadas do parafuso envolvem o tecido de algodão sobre si mesmas e machucam seus dedos. Em todos os outros casos, o mestre é obrigado a cuidar de suas mãos..

Óculos de segurança – cuidado com o rosto e os olhos

Isso se aplica à maioria dos tipos de construção – desde lixar paredes até trabalhar na máquina. Os olhos são a parte mais vulnerável do corpo humano, pois não têm pele. As faíscas ardentes são especialmente perigosas ao cortar metal. Aparas incandescentes presas no olho podem ser soldadas na proteína e requerem intervenção cirúrgica.

Mais requisitos são impostos à proteção facial – ela não deve apenas proteger os olhos da poeira e faíscas, mas também não deve interferir no trabalho.

Macacões, EPI e calçado para construção

Problema nº 1. Condensação

Os vidros embaciados prejudicam ou bloqueiam a visibilidade e o efeito protetor é reduzido a “não”. Pelo contrário, a probabilidade de cometer um erro aumenta significativamente. Isso é típico dos modelos mais baratos, mas também acontece com os caros com uma diferença significativa de temperatura..

O que fazer? Você não deve comprar óculos limitados em todos os lados, mesmo com perfurações. A prática tem mostrado que a circulação de ar é insuficiente para remover os gases da pele. Use óculos que repitam o design dos óculos regulares (para visão), onde o espaço entre os óculos (barreira transparente) e os olhos seja livremente ventilado. A solução ideal seria uma proteção de plástico que cubra todo o rosto e parte do pescoço..

Problema # 2. Óculos caem e não seguram

Fechos de fábrica, faixas elásticas – muitas vezes de má qualidade, rasgam e desfazem.

Macacões, EPI e calçado para construção

O que fazer? Determine com antecedência para que serve a proteção e em que época do ano. Coloque um elástico de boa qualidade para caber em sua roupa de trabalho.

Problema # 3. Barreira de desgaste e turvação

Este é um problema de barreira de baixa qualidade. Qualquer produto na categoria de preço mais baixo se desgasta rapidamente e requer manutenção constante.

O que fazer? Considere cuidadosamente a escolha de óculos de proteção. A opção universal são óculos de plástico amarelo com hastes retráteis. Possuem plástico resistente em todas as partes e não quebram mesmo se pisadas. Barreiras amarelas dão um efeito de contraluz com pouca luz.

Cuidar da saúde durante o trabalho é responsabilidade total do contramestre. Negligenciar o equipamento de proteção significa tornar o trabalho comum prejudicial e perigoso o trabalho prejudicial. Atenção, precisão e EPI irão mantê-lo saudável e de bom humor durante qualquer trabalho.

Avalie este artigo
( Ainda sem avaliações )
Adicione comentários

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!:

Macacões, EPI e calçado para construção
7 coisas que a sua linguagem corporal diz